Bula de Remédio: Clomipramina


_

ANAFRANIL®, ANAFRANIL SR®, CLO®.

Cloridrato de clomipramina.

Receituario Especial

GRUPO FARMACOLÓGICO
Antidepressivo tricíclico; age bloqueando os transportadores de noradrenalina, mais pronunciadamente, e serotonina, em menor intensidade.

APRESENTAÇÕES E PREÇOS COMERCIAIS
Cpr de 10 (20 cpr R$ 9,99) e 25 mg (20 cpr R$ 21,88); cpr de liberação lenta de 75 mg (20 cpr R$ 46,61).

APRESENTAÇÕES/PREÇOS GENÉRICOS
Cpr revestidos de 10 (20 cpr R$ 6,35) e 25 mg (20 cpr R$ 14,10).

USO
Depressão, transtorno obsessivo-compulsivo, transtorno do pânico, transtorno dismórfico corporal, ejaculação precoce.

CONTRAINDICAÇÃO
IAM recente, glaucoma de ângulo fechado, bloqueio de ramo, prostatismo, íleo paralítico, feocromocitoma. São contraindicações relativas: uso concomitante de IMAO, outras alterações na condução cardíaca, ICC, quadros demenciais, déficits cognitivos e convulsões.

POSOLOGIA
Iniciar com 25 mg/dia, VO, em dose única à noite, e ir aumentando 25 mg a cada 2 ou 3 dias. A dose pode ser dividida em duas tomadas diárias para minimizar os efeitos adversos. A retirada deve ser gradual. As doses usuais para o tratamento da depressão variam de 75-250 mg/dia. No transtorno do pânico, iniciar com 10 mg/dia e ir aumentando até 75-150 mg/dia. No transtorno obsessivo-compulsivo, as doses necessárias são geralmente um pouco maiores, de 150-200 mg, podendo chegar a 300 mg/dia.

MODO DE ADMINISTRAÇÃO
VO. Pode ser administrada com ou sem alimentos. Se tolerada, a dose diária pode ser administrada ao deitar para evitar sedação no dia posterior.

EFEITOS ADVERSOS
Os mais frequentes (> 1%) incluem tontura, cefaleia, insônia, nervosismo, diminuição da libido, boca seca, constipação intestinal, aumento do apetite, náusea, ganho de peso, dispepsia, anorexia, dor abdominal, fadiga, tremor, diaforese, hipotensão, palpitação, taquicardia, confusão, pesadelos, parestesia, déficit de memória, rash, diarreia, vômito, visão borrada. Os efeitos adversos raros (< 1%) são alopecia, galactorreia, hiperacusia, fotossensibilidade, convulsões, síndrome de secreção inapropriada do hormônio antidiurético.

RECEITUÁRIO
Receita de Controle Especial em duas vias.

COMENTÁRIO
• A clomipramina deve ser evitada em idosos pelos intensos efeitos adversos anticolinérgicos e cardiovasculares.
• Essa droga se destaca, entre os demais antidepressivos tricíclicos, especialmente pela maior intensidade de disfunção sexual e diminuição do limiar convulsivante.
• A monitoração dos níveis séricos pode ser necessária, sendo os valores de referência entre 200 e 250 µg/mL.



Categoria: Medicamentos.

2 Comentários em Bula de Remédio: Clomipramina

  1. Uma pergunta??? Clo pode aumentar o número de batimentos cardíacos???

  2. comecei a usar esse medicamento a dois dias atras….espero q faz o efeito q preciso….foi receitado pelo psiquiátrico ….

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>