Bula de Remédio: Fluoxetina


_

Daforin®, Deprax®, Depress®, Eufor 20®, Fluox®, Fluoxetin®, Fluxene®, Prozac®, Prozac Durapac®, Psiquial®, Verotina S®.
Cloridrato de fluoxetina.

Receituario Especial

GRUPO FARMACOLÓGICO
Antidepressivo; inibidor seletivo da recaptação da serotonina (5-HT1A, 5-HT2C e 5-HT3C) no terminal nervoso pré-sináptico.

APRESENTAÇÕES E PREÇOS COMERCIAIS
Cps ou cpr de 10 (28 cpr/cps R$ 23,93) e 20 mg (28 cpr/cps R$ 29,60); fr de 20 mL com 20 mg/mL (R$ 35,12); cps gastrorresistentes de 90 mg (Prozac Durapac®, Verotina S®) (4 cps R$ 116,74).

APRESENTAÇÕES/PREÇOS GENÉRICOS
Cps ou cpr de 10 (28 cpr/cps R$ 17,27) e 20 mg (28 cpr/cps R$ 39,22); fr de 20 mL com 20 mg/mL (R$ 17,51).

USO
Depressão, transtorno obsessivo-compulsivo, transtorno do pânico, bulimia nervosa, transtorno disfórico pré-menstrual, transtorno de estresse pós-traumático, transtorno dismórfico corporal.

CONTRAINDICAÇÃO
Uso de IMAO nas 2 últimas semanas. Deve ser obedecido um intervalo de 5 semanas entre os fármacos se a fluoxetina estiver sendo usada e tiver que ser iniciado o IMAO.

POSOLOGIA
Iniciar com dose de 20 mg/dia, VO, pela manhã, e ir aumentando conforme a resposta ao tratamento. Nos idosos, pode ser necessário iniciar o tratamento com 10 mg/dia. Na depressão, as doses necessárias são geralmente de 20-40 mg/dia; na distimia, de 40 mg/dia; no transtorno obsessivo-compulsivo, de 40-80 mg/dia; na bulimia, de 60 mg/dia; no transtorno do pânico, de 20 mg/dia (iniciar com 5 mg/dia para prevenir aumento da ansiedade e inquietude comuns no início do tratamento). As formulações com revestimento para absorção entérica lenta podem ser administradas 1x/semana (cápsulas de 90 mg). A retirada pode ser abrupta, em função de sua longa meia-vida.

MODO DE ADMINISTRAÇÃO
VO. Administrar durante ou logo após as refeições para evitar efeitos gastrintestinais; administrar pela manhã em dose única diária.

EFEITOS ADVERSOS
A fluoxetina pode produzir diversas reações, entretanto é apresentada uma lista sumária dos principais efeitos adversos relacionados aos sistemas orgânicos. As reações mais comuns são insônia, cefaleia, ansiedade, sonolência, diminuição da libido, náusea, diarreia, anorexia, boca seca, fraqueza, tremor, faringite, febre, hipertensão, dor torácica, tontura, rash, prurido, impotência, perda ou ganho de peso, dispepsia, constipação intestinal, visão borrada, tosse. Outros efeitos adversos, incomuns (< 1%), incluem alopecia, arritmia, asma, colelitíase, discinesia, alucinações, hepatite idiossincrática, pancreatite, pancitopenia, dismenorreia, edema, infecção urinária, hipotireoidismo, mania, proteinúria, parkinsonismo, síndrome da secreção inapropriada do ADH, síndrome serotonérgica.

RECEITUÁRIO
Receita de Controle Especial em duas vias.

COMENTÁRIO
É um dos antidepressivos de escolha quando for indispensável o seu uso no 3o trimestre de gestação (categoria de risco C).
Suspender a fluoxetina no mínimo 5 semanas antes de usar um IMAO.
Usar a fluoxetina com cuidado em pacientes com DM, história de epilepsia ou em pacientes que estão tomando diversos medicamentos.
A eficácia e a tolerabilidade de fluoxetina têm sido estabelecidas em crianças e adolescentes.



Categoria: Medicamentos.

1 Comentário em Bula de Remédio: Fluoxetina

  1. Fernanda Duarte says:

    O medico mim receitou o remédio fluoxetina 20g pois estou muito nervosa e ansiosa, Mas estou com medo de tomar o mesmo ,algumas pessoas disse que vicia outras que engordam. SOS mim de uma resposta.
    Aguardo retorno! Obrigado!

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>