Exames de Urina – Microalbuminúria – Micro


_

VALORES DE REFERÊNCIA

30-300 mg/dia (urina de 24 horas)
> 30 mg/g (amostra isolada relação albumina/creatinina)

DESCRIÇÃO

As proteínas não são geralmente encontradas na urina, uma vez que seu tamanho impede a filtragem através da membrana glomerular . Moléculas de albumina são pequenas, por isso, se há um problema na membrana glomerular, as moléculas de albumina serão as primeiras proteínas capazes de passar através da membrana e seremencontradas na urina. Este tipo de problema, conhecido como albuminúria, pode ser observado em diabéticos nefropatas e em pacientes com hipertensão.
No paciente com diabetes o diagnóstico e intervenção precoce da albuminúria pode evitar a progressão do comprometimento renal.O diagnóstico precoce de problemas renais é indicado pela presença de microalbuminúria, em que pequenas quantidades de albumina aparecem na urina.
A microalbuminúria pode estar presente por vários anos antes do desenvolvimento de danos renais significativos. Quando o dano significativo ocorre, há macroalbuminúria.
Os níveis de albumina variam ao longo de um período de 24 horas,por isso a coleta de urina de 24 horas fornece resultados mais precisos de microalbumina.
No entanto, o exame é demorado e sua precisão é baseada na coleta de toda a urina no período de 24 horas. Dessa forma, muitas vezes parte da urina e perdida, comprometendo os resultados do exame. Por isso, o exame mais utilizado para avaliação da microalbuminúria é a urina aleatória, pois requer apenas uma amostra de urina e sem preparação. A amostra aleatória de urina pode ser corrigida usando o valor de creatinina, um resultado conhecido como relação microalbumina / creatinina.
Esse índice é calculado da seguinte forma:
(Albumina urinária em mg / creatinina urinária g)

ALTERAÇÕES:
VALORES AUMENTADOS

Aterosclerose
Nefropatia diabética
Nefropatia hipertensiva
Nefropatia
Drogas nefrotóxicas
Pré-eclâmpsia
Gravidez
Carga de proteína (suplementos)
Infecção do trato urinário
Exercício vigoroso

OBSERVAÇÕES

Exercício físico, tabagismo, menstruação e desidratação podem alterar os resultados do teste.



Categoria: Exames, Urina.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>